Questo sito usa cookie per fornirti un'esperienza migliore. Proseguendo la navigazione accetti l'utilizzo dei cookie da parte nostra OK
ambasciata_maputo

Notícias

 

Notícias

Febre amarela: a Embaixada de Itália informa que a partir de Setembro 2007 as Autoridades moçambicanas exigem o certificado de vacina contra a febre amarela para viajantes provenientes dos seguintes Países: Angola, Benin, Bolívia, Brasil, Burquina Faso, Burundi, Comores, Chade, Colômbia, Congo, Costa do Marfim, Equador, Etiópia, Polinésia, Gabão, Gambia, Gana, Guiana, Guiné Conacry, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Libéria, Mali, Mauritânia, Níger, Nigéria, Panamá, Peru, Quénia, República Centro-Africana, RD Congo, Ruanda, Somália, São Tomé e Príncipe, Senegal, Serra Leoa, Sudão, Suriname, Tanzânia, Togo, Trinidad e Tobago, Uganda e Venezuela. Quem não apresentar o certificado poderá ser vacinado à entrada no País, pelos Serviços de Saúde, com a despesa de 1.350,00 Meticais (cerca de 40 Euros).


17